O Demo Day da Y Combinator (YCS21) acabou de acontecer e destacamos 8 tendências de mercado para vocês

Grão, 17 de September de 2021

A Y Combinator (YC) é uma aceleradora norte-americana que investe em startups em estágio inicial desde 2005. A empresa tem o foco em apoiar as startups a se estruturarem para que possam desenvolver suas soluções e ter a base necessária para crescer. Isso inclui não só o investimento financeiro, mas também uma mentoria. Durante o processo, são trabalhadas questões relacionadas à expansão de ideias, à estruturação delas em um negócio e às formas de lidar com investidores, por exemplo.

A YC já apoiou startups que cresceram muito e se tornaram conhecidas ao redor do mundo, como o Airbnb, o Dropbox e a Rappi. Ela é reconhecida globalmente por ditar tendências no ecossistema das startups. 

O programa de aceleração da YC é referência. Ele acontece duas vezes ao ano nos períodos do verão e inverno norte-americanos. Ao final do ciclo, todas as empresas inscritas participam do Demo Day. Durante os dois dias de evento, as startups apresentam suas propostas para cerca de 1.500 convidados, entre investidores e profissionais de mídia. É uma oportunidade para se tornarem conhecidas e conseguirem levantar capital.

Neste verão (inverno do Brasil), mais de 300 startups de 47 países tiveram a oportunidade de apresentar suas propostas. Demos uma olhada nelas e pudemos destacar oito tendências globais que estão em plena expansão.

Neobanks (Ásia e África)

Neobanks são os bancos digitais. Eles normalmente não têm agências físicas, oferecem melhores taxas e buscam trazer uma experiência simples e otimizada para os clientes. A ideia deste tipo de negócio já é bastante disseminada em algumas partes do globo. Temos o Nubank na América Latina e o Revolut na Europa, por exemplo. Os dois estão entre as dez startups mais valiosas do mundo, com valor de mercado superior a 30 bilhões de dólares.

Como a regulação específica para empresas do ramo financeiro varia de país para país, é natural que esse mercado cresça de forma regionalizada. O que percebemos é a expansão dos bancos digitais para os mercados da Ásia e da África.

Confira estas empresas: Akudo, Fingo Africa, TAG, Walrus

Soluções para o público feminino

Encontramos várias iniciativas que propõem soluções voltadas para o público feminino. Neste grupo, há propostas de algumas femtechs, que são startups focadas em questões relacionadas à saúde da mulher, e também de fintechs, trazendo propostas relacionadas à área financeira.

Confira estas empresas: Liv Labs Inc., Ruth Health, Female Invest, Sequin, Jingu Health

Saúde Mental 

A saúde mental é um ponto que merece atenção e tem estado cada vez mais em destaque. Algumas questões são recorrentes em pessoas que atuam no mundo corporativo. É comum ouvir histórias de profissionais que sofrem com problemas como a síndrome do pânico, burnout, ansiedade e depressão. 

Novos modelos de negócio escaláveis estão sendo criados para atender esse público. Ferramentas como vídeo chamadas, chatbots e mensagens instantâneas fazem parte das soluções que surgem com a telemedicina.

Confira estas empresas: Intellect, Therify, MindFi, Iona Mind

No-code

Imagine poder construir um produto ou criar um aplicativo sem ter qualquer conhecimento de programação? Essa é a proposta das plataformas no-code. Através do uso de ferramentas de clica e arrasta, qualquer pessoa que não possua conhecimento técnico conseguirá construir um site, um app ou até um programa.

Confira estas empresas: Zazos, Telm.ai, Enso, Whaly, Mailmodo, Muse, Abstra, Lago, Inai, Breadcrumbs.io

Lidar com o câncer

Encontramos algumas startups que estão buscando resolver problemas relacionados à prevenção, ao diagnóstico, ao tratamento e à remediação do câncer. 

Confira estas empresas: Ananya Health, AOA Dx Inc., REPROSENT, Yemaachi Biotechnology, Humane Genomics, Digistain, Algen Biotechnologies

Soluções conectadas a plataformas como o Slack

Há startups desenvolvendo produtos que resolvem problemas dentro de outras plataformas, como o Slack e o Discord, por exemplo. Elas aproveitam a adoção e distribuição dessas plataformas e constroem produtos para desafios específicos, como links de pagamento, suporte, envio de senhas e chatbots.

Confira estas empresas: Dots, Abbot, mello, Cabal, PlusIdentity

Espaço, satélites e naves espaciais

Com a grande necessidade do uso de satélites para permitir o funcionamento das tecnologias atuais, surgem problemas relacionados à saturação deles no espaço. Atividades como o lançamento, a operação, a manutenção e a remoção desses satélites são complexas e requerem tecnologia intensa. Algumas startups propõem soluções para lidar com questões que vão desde a remoção do lixo espacial até o lançamento de espaçonaves.

Confira estas empresas: HEO Robotics, Turion Space, Epsilon3, TransAstra Corporation, Inversion Space

Gusto lookalikes

A Gusto é um decacórnio norte-americano que busca resolver questões da área de recursos humanos, como onboarding, pagamentos e benefícios. Um decacórnio é uma empresa com valor de mercado igual ou superior a 10 bilhões de dólares. Não é à toa que o sucesso da Gusto tem inspirado outras pessoas a desenvolver negócios parecidos, e que se encaixem na realidade dos seus países de origem. 

Confira estas empresas: SalaryBox, SalaryBook, Onfolk